Produto adicionado com sucesso!
Produto removido!

A bomba de porão é um dos componentes mais importantes da embarcação, quando se trata de segurança elas são equipamentos elétricos que trabalham submersos e é a peça que é responsável por retirar a água que entra no casco do barco. E por ser tão importante é essencial prestar atenção nos detalhes e especificações do produto antes da comprar e para a manutenção.

A primeira coisa em que se deve prestar atenção, é a compra da bomba correta, analisar qual é a demanda do seu barco e a capacidade da bomba, que pode variar de 360 a 5.000 galões/hora. Barcos que tem um casco de madeira que pode acabar penetrando mais água, barcos que vão para o mar aberto, devem optar por bombas mais potentes porque entram mais água.

Já quando se trata da instalação deve-se ficar atento ao melhor local para ser feita a instalação, a bomba tem que ficar onde a água tende a se acumular. Nas lanchas, isso ocorre próximo à popa e, em veleiros, mais à meia-nau, mas jamais coloque a bomba debaixo do motor ou em local onde seja difícil inspecioná-la. Também é preciso observar se a posição das cavernas do casco não cria compartimentos que represam a água.

Alguns tipos de barcos exigem mais de uma bomba de água. É bom sempre ligá-las em sistemas independentes, a bomba precisa operar mesmo que todos os demais equipamentos estejam desligados. Uma boa medida de segurança é, mesmo nos barcos em que apenas uma bomba é necessária, ter uma bomba extra, a melhor solução é ligá-la diretamente na bateria e com um sistema de proteção contra curtos-circuitos.

Verifique sempre a junção dos fios da bomba com a fiação do barco. Esta emenda é um ponto fraco, por causa da tendência a corrosão. Garanta que esta junção fique fora d´água.

A manutenção também é outro ponto que exige muita atenção, se houver uma manutenção adequada, as bombas de porão podem funcionar por anos sem precisar de substituição. Lembre-se que a água que a bomba sugará passou por boa parte do porão e, portanto, carregou sujeiras pelo caminho. Para evitar problemas uma cuidadosa limpeza do porão é necessária, pois detritos podem danificar o funcionamento da bomba, um pedaço de estopa pode entupir a entrada da bomba. Detritos também podem impedir a flutuação e o correto funcionamento da chave do automático dela.

O ideal é que os lancheiros façam a limpeza do porão entre as saídas com os barcos. Quem utiliza os barcos durante os fins de semana, deve pedir que a marina faça a limpeza durante a semana quando o barco fica parado.

Antes de cada saída e após a limpeza do porão. Veja se ela está com a grelha de sucção desobstruída e se não há nada solto no porão. Se possível, movimente manualmente a chave do automático para ver se a bomba liga e confira o estado das fiações. Aproveite quando for lavar o porão para testar todo o sistema. Atenção: barcos que ficam em vagas molhadas estão sujeitos, também, à obstrução na saída da bomba no casco, por causa das cracas.

É importante lembrar também de que muitas vezes comprar o produto mais barato sem prestar atenção a qualidade e a demanda do barco, pode acabar te prejudicando. A maioria dos fabricantes se baseia na vazão que a bomba teria somente circulando a água, sem estar conectada a uma mangueira. Na prática, a vazão é sempre bem menor. Por isso, use mangueiras com diâmetro recomendado pelo fabricante e diminua ao máximo o comprimento e o número de curvas.Quanto mais suave for o caminho da água, melhor para a bomba.

Quanto a válvulas de retenção, alguns fabricantes usam este expediente para evitar que a água que ficou na mangueira retorne ao porão, quando a bomba é desligada. Mas isso não compensa a diminuição da vazão provocada pela válvula. Outro problema é que passa a haver mais um elemento sujeito a falhas no sistema. Se a válvula ficar travada na posição fechada, impedirá o funcionamento da bomba. Esqueça, portanto, a retenção e concentre-se, sempre, em ficar checando a bomba.

Na dúvida a melhor opção é sempre fazer uma pesquisa de valores e optar por marcas que já são mais conhecidas no mercado ou falar com um especialista. Os valores podem variar de R$ 59,00 e R$ 2000,00.

Está procurando por bombas de porão? Agora que sabe como cuidar de sua bomba de porão e como utilizar em sua embarcação, acesse nosso site e confira todos os nossos modelos:

Tecnologia
iSET - Plataforma de E-commerce para criar loja virtual
Plataforma de E-commerce para criar loja virtual